11 de nov de 2010

Já não sei o que pensar, como falar, se devo imaginar
Suas cores ainda estão em meu jardim
Seu olhar se perdeu entre as flores que te levei
Minha mente fica na duvida
Já não sei se é você o que eu quero.


Na verdade, até sei...

4 de nov de 2010

Contra a corrente

Quero ver gente nas ruas
Sangue vai cair, é inevitável
Somos dotados de sentimentos
Somos claramente a raça da luta
A cor do som que enfeita a fileira das batalhas
O grito sufocado na garganta que quer explodir
Eu vou andar armada
Pra lutar contra esse sistema
Sairemos nas ruas
E faremos a revolução!

2 de nov de 2010

Menino bonito ♪♪

As lágrimas não param de descer
A foto da cidade é você
Se você não aparece
Tudo aparece em preto e branco.
Esses olhos claros
que iluminavam os caminhos
Transparecia a simplicidade
E os abraços
Que aconchegavam nossos corações.
Ah! E os planos?
Pra onde vão sem você?
Como vou seguir?
Eu só queria voltar no tempo e viver mais, mais e mais
Dizer tudo que não foi dito
Te abraçar forte
E na natureza viver os mais momentos de felicidade que sempre viviamos.