3 de out de 2008

É amor

No começo era bastante encantador, coisas diferentes, costumes e idéias diferentes, as vezes gostava do que descobria, as vezes nem tanto. Adorava olhar e ficar analisando os defeitos, qualidades, enfim, prestava bastante atenção. O tempo foi passando, eu fui me apegando cada vez mais - só o tempo prova o amor- e quando vi, estava ali, em meio de tantas emoções, era um verdadeiro aconchego, ao qual não conseguia mais ficar longe, e nem pensar em perder., sabia que eu sempre podia contar, era perfeito pra mim, era meu lar. No decorrer do tempo, as coisasforam aumentando cada vez mais, houveram brigas, mas noi fim sempre vinham as desculpas, houveram momentos de solidariedade, diversão, momentos de falar sério, afinal de contas, era uma relção como outra qualquer. Queria poder dizer que desejava tudo isso daqui até a eternidade, mas não, eu quero é hoje, porque o agora é o momento inesquecível, o qual temos milhares de sentimentos ao nosso redor. Eu acho que é amor. Não da pra esquecer o momento o qual a vida tentou nos separar, foi tão trsite, houve tantas lágrimas, mas nada que abalasse o que sinto. É tudo tão verdadeiro que não consigo me conformar 1 segundo em ter mudado a nossa rotina, sei que o erro foi meu, peço desculpas por isso, mas fiquem certos que vocês mopram no meu coração. Dedico esse a todos vocês que eu tanto amo, 513 A + Laís, Thallyson, Sidney, Cris, Betsla e Karlinha.

Nenhum comentário: