11 de mai de 2009

Noite de chuva




Naquela noite de chuva
meu coração que estava tenso
não sabia como falar,
não sabia como seguir em frente.
Logo tomei um banho de água fria
as coisas pareciam desmoronar
e nada eu via em frente,
só um largo espaço
que sobraram para as lágrimas.
Não posso dizer que foi melhor,
estarei mentindo,
mas enquanto eu puder sempre vou abrir meu coração
como fiz "naquela noite de chuva".

Um comentário:

Ariotho disse...

em primeira instância, "amei a foto" dona Sandra!!
sauhashuhasuahsuahsuhasuhas!!
É, bem, sabe, noites de chuva nos faz pensar em muitas coisas. Amo a chuva, é algo tão misterioso, frio, escuro!! Me sinto bem quando a vejo cair do céu!!

Continue escrevendo!! ^.^